sábado, 3 de abril de 2010

Stargate Universe 1x11 - Space

sgu1x11 Stargate Universe voltou trazendo várias coisas pedidas pelos fãs, este episódio teve ação, uma nova raça de alienígenas vilões, teve batalhas espaciais, mas tudo isso não foi tão bom e empolgante como poderia ter sido me fazendo sentir que foi uma preparação para o que vem a seguir, o que não deixa de ser bom porque se as sementes plantadas neste episódio seguirem o rumo que a série está prometendo SGU vai finalmente deslanchar e acertar a dosagem de drama, ação e sci-fi que a série precisa e que eles quase acertaram aqui.
sgu1x11a Eu gostei muito da raça alienígena que apareceu neste episodio, mesmo não tendo ficado nem um pouco esclarecido quem são eles ou quais as suas motivações eu acho que esta é a raça alienígena de maior potencial que a franquia apresentou em um bom tempo, tudo neles pareceu certo e o mais importante, pareceu alien, o visual é fantástico, o idioma que eles falam é impossível de entender e até mesmo o fato deles usarem equipamento de leitura de mentes o que possibilitou que eles conseguissem entender o nosso idioma foram bem pensados. O único problema é que o episódio pecou em mostrar quem eles eram de verdade e me fazer sentir alguma coisa por eles, nem que fosse raiva e talvez por isso este episódio não tenha me empolgado como eu acho que deveria.
sgu1x11b Eles também conseguiram trazer de volta o Dr. Rush de uma maneira que eu não esperava afinal, depois dele ser abandonado no planeta com uma nave alienígena no último episódio eu achava que ele iria voltar aprendendo a usar aquela nave, mas ele voltou como prisioneiro e rato de laboratório da nova raça alienígena, no que foi uma reviravolta bem interessante principalmente porque foi graças a um defeito nas pedras de comunicação que ele conseguiu se salvar.
sgu1x11c Finalmente as pedras de comunicação foram usadas para alguma coisa que realmente serviu mesmo não sendo explicado o que deu errado foi legal ver o sinal dela sendo desviado e fazendo o Young parar no corpo de um dos novos alienígenas o que aparentemente fez com que eles decidissem atacar a Destiny para capturar tripulantes.
sgu1x11d A batalha espacial, no entanto, me deixou entediado porque pareceu faltar emoção e muito pouco foi mostrado e quando eu achava que a Destiny iria ser invadida tudo parou! SGU precisa melhorar suas batalhas espaciais, porque SG-1 conseguia colocar muito mais emoção nelas, talvez porque agente realmente se importava com os personagens, tanto os mocinhos quanto os vilões, aqui agente não sabia quem eram os vilões, não conhecíamos suas motivações, no começo eu nem tinha certeza se não era o Rush atacando a Destiny...
sgu1x11e SGU voltou e eu fiquei muito feliz com isso, mas não fiquei tão empolgado quanto eu acho que deveria ficar, espero que estes novos alienígenas voltem, tragam mais ação e novas dinâmicas para a série aparecendo com freqüência e se tornando vilões de verdade me fazendo sentir algo por eles assim como os Goa’uld e os Asgards de Pégasus fizeram. Porque a única coisa que realmente me deixou empolgado neste episodio foi a cena final em que o Rush se encontra com a Camile depois de ter voltado para a Destiny para discutir o que pode vir a ser um motim contra os militares apesar de não ter contado a verdade sobre o Young tê-lo abandonado no planeta!

9 Comentários:

Anônimo disse...

Acho que a franquia universe tem muito mais a oferecer.Uma nave totalmente automatizada, uma tecnologia muito anterior a que vimos em ATLANTIS, muito mais endereços a mapear. Acho que falta e criatividade aos roteiristas, pois existem centenas de pontos a se explarar.

Krids disse...

Voce não tem uma legenda do episodio para me arrumar não amigo?

Krids disse...

felipe.krids@gmail.com Meu e-mail.... se tiver, mesmo que ingles, manda para mim por favor!

Pedro Henrique disse...

cara nao sei se vi errado mas quando o rush leu a mente do alien apareceu uma imagem do alien segurando uma pedra( foi bem rapido q apareceu) ai eu acho q eles encontraram a pedra e como o alien tocou nela, criou a conexao e por isso a pedra se conectou com ele ( pq ele era uma fonte mais proxima q a terra) tanto q quando ele morreu o young nao conseguiu mais se conectar ... pelo q eu entendi tbm os aliens tem a msm motivaçao q o rush ( explorar e aprender com a destiny para desenvolver melhor tecnologias)

Daniel disse...

Pedro, eu não sei se essa é mesmo a motivação deles, acho que isso foi uma expeculação do rush baseado no pouco que ele conseguiu na mente dos alienígenas e nas suas próprias motivações.

Pedro Henrique disse...

Soh falta ser isso msm rsrsrsrs, pq ate agora vc nem sabe para q lado torce se colocarem mais um lado nem vilao nem mocinho a coisa fica "TENSA"( acho muito idiota o pessoal usando essa expressao XD) mas entao eu ja sou fa de carteira assinada de TODOS os Stargates(MANIACO)ja vi todos os filmes ate o q originou tudo e todos os epi das de atlantis e sg1 e nem penso em abondonar universe , acho o fato de ser diferente dos outros dois ajuda a criar a identidade da serie no meio dos inumeros titulos( q espero q saiam) sobre stargate, afinal cada um deles aborda de um jeito diferente o mesmo tema, falando nisso adoro seus comentarios sobre varios seriados e nao entendi pq vc parou de falar de fringe agora q finalmente se reencontrou( desculpe pela biblia q eu faço a cada comentario XD)

Daniel disse...

Pedro, eu também sou fã de Stargate,já tendo visto tudo pelo menos 2 vezes e estou gostando de SGU, só acho que a série precisa melhorar um bocado e arrumar uma forma de passar toda essa nova identidade de maneira que envolva mais agente.

Eu parei de falar de Fringe simplesmente porque não consegui tempo para continuar assistindo! Assim que eu conseguir colocar em dia a série eu devo voltar a comentar ela, mas isso deve demorar um pouco, porque estou com muito pouco tempo sobrando graças a faculdade, monografia...

syrin disse...

O Rush esteve desaparecido um total de 25 minutos, que foi o tempo em que demorou até aparecer em cena neste episódio. Que idiotice, porque não esperar mais algum tempo, porque não dar mais uns episódios para criar um suspense, fazer com que o seu desaparecimento fosse a causa do que, presumo, vá acontecer no próximo episódio? Mas não... ainda agora sumiu, mas já voltou.

Quanto aos aliens, tens toda a razão - visualmente estão muito bons, mas a história criada foi bem fraquinha, a batalha não teve emoção nenhuma (o que, comparando com SG1, com os seus efeitos especiais dos anos 90, deixa muito a desejar) e a resolução foi um pouco apressada. Enfim... fico com esperanças de que a história melhore daqui para a frente.

Daniel disse...

Concordo que o tempo que o Rush ficou sumido foi muito, mas muito pouco, se a situação dele tivesse se enrolado por mais alguns episodios ela realmente poderia ter gerado muitas situações interessantes que poderiam então culminar nos acontecimentos do próximo episodio, foi mesmo um desperdício, ainda mais porque a forma como ele voltou foi interessante.

Postar um comentário

Toca 42 © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO